Gravidez semana a semana. Artigo 34.


Não está claro se a náusea durante a gravidez, também chamada de enjôo matinal, é um bom sinal.

A causa de náusea e vômito na gravidez é atualmente desconhecida. Estudos sugerem que náuseas e vômitos na gravidez podem ser causados ​​por hormônios, adaptação evolutiva ou causas psicológicas. Um estudo recente com mais de 2.400 mulheres grávidas associou náuseas e vômitos durante o primeiro trimestre com um risco reduzido de perda precoce da gravidez - particularmente para mulheres de 30 anos ou mais. No entanto, esse achado não foi comprovado em todos os casos.

Qual é a possível conexão entre náusea e vômito durante a gravidez e um risco reduzido de perda de gravidez? Logo depois que um óvulo fertilizado se liga ao seu revestimento uterino, seu corpo começa a produzir o hormônio gonadotrofina coriônica humana (HCG). HCG tem sido associada a náuseas e vômitos-mulheres com enjôo grave (hiperemese gravídica) têm níveis mais elevados de HCG do que outras mulheres grávidas. Mulheres grávidas com múltiplos, que são mais propensas a ter enjoos matinais, também apresentam níveis mais altos de HCG.

Da mesma forma, o estrogênio, outro hormônio que aumenta durante a gravidez, está associado a um aumento na frequência de náuseas e vômitos durante a gravidez. É possível que náuseas e vômitos durante a gravidez possam indicar que você está passando pela subida normal dos hormônios da gravidez necessários para uma gravidez saudável. No entanto, os altos níveis de hormônio da gravidez não são consistentemente associados a náuseas e vômitos.

Tenha em mente que a falta de náusea e vômito durante a gravidez não é motivo de preocupação. Algumas mulheres com gravidez saudável nunca experimentam enjôos matinais.